quinta-feira, 19 de maio de 2011

Luva inflável


ObjetivoMostrar que o bicarbonato de sódio (NaHCO3(s)) na presença de água
reage com ácido liberando CO2(g) no estômago.

DescriçãoÉ bastante conhecida de todos a efervescência característica
de antiácidos estomacais, quando são postos em um copo com água.
 Certamente é freqüente a interrogação quanto ao gás desprendido em tal situação.
O experimento consistirá no procedimento corriqueiro de dissolver o antiácido,
 porém o gás desprendido será aprisionado em uma luva cirúrgica, inflando-a,
 ganhando a forma de uma mão.

MaterialComprimido efervescente.
Luva cirúrgica.
Béquer de 300 ml.
200 ml de água.

ProcedimentoPara iniciar o experimento, introduza o comprimido na luva.
Em seguida, encaixe a abertura da mesma nas bordas do béquer com água,
de modo que fique vedado, tomando o cuidado de evitar que o comprimido caia
durante o encaixe. Finalmente, faça com que o mesmo
entre em contato com a água, o que dará início à efervescência;
fazendo a luva assumir a forma de uma mão espalmada.


AnáliseOs antiácidos estomacais, que neutralizam o excesso de ácido clorídrico (HCl(aq))
do suco gástrico, têm em sua constituição, entre outros compostos,
bicarbonato de sódio ( NaHCO3(s)), que em meio aquoso reage com ácidos
 liberando CO2(g), provocando a efervescência:
               
NaHCO3(s) + H2O(aq) --> NaOH(aq)+ +H2O(l) + CO2(g)


Além dessa importante aplicação, o bicarbonato de sódio faz parte
da constituição de fermentos para a fabricação de pães, já que libera CO2(g),
sob aquecimento, provocando o inchaço da massa.
Também é usado no fabrico de extintores, pelos mesmos motivos
 expostos anteriormente, liberação de CO2(g).

DicasNa falta de uma luva pode usada uma bexiga.
Como alternativa ao béquer pode ser usado um copo
de abertura compatível com a da luva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário